essas coisas do amor e do ódio...


© Foto de Jean Marc Bouju. Filho abraça o pai em campo em campo de prisioneiros. Iraque 2003


narrar um assassinato é quase tão

difícil como dizer que te amo

como falar do sangue que se esvai ou

vc cantarolando numa aléia do horto de vestido florido

como descrever o terror dos olhos e o grito sequelado ou

vc vendo tv de calcinha de algodão

ou como dizer da arma ainda quente ou

seu corpo mole na cama

essas coisas do amor e do ódio

são impossíveis de narrar.



Chacal





Jonathan  – (17 de outubro de 2010 20:23)  

Que poema maravilhoso!!! E a foto foi perfeita pra expor-contropor-sobrepor-propor ao poema!!!
Mt, mt bom!!!

Postar um comentário

About This Blog

  © Blogger template Shush by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP