De Elisa


Meu aniversário foi no dia 7 de Setembro. Mas dele já me esvaziei, passou e fiquei com as lembranças lindas do dia.
Dessas lembranças posto essa jujuba da poeta-nova Elisa Beatriz. Mistura de sensibilidade, elegância e intensidade. O poema dela vibra! Vibrou muito mais no meu coração!





Fabi!!


Alma de poeta,
Rabisca a janela... com sinuosos esboços!
Tem fome, come...Letras!
Ressucita os imortais das horizontais
Come Caio, Machado, Nietzsche, Shakespeare
Despe-se de preconceitos,
Saboreia linhas,versos , escritas em rimas raras...
Lava da alma os resquícios de mágoas
Alça vôo ao indefinível,
Liberta-se para várias primaveras!
E no rabisco adormecido, inflama a dormente chama,
VIVE!!


Elisa Beatriz ( 7/9/2009)

Charles F. Miranda  – (10 de setembro de 2009 05:31)  

Já disse pra ela no orkut, mas vou repetir aqui: Elisa ... é mto lindo!! Parabéns ... e queremos mais!!

Jonathan  – (10 de setembro de 2009 14:09)  

Fabi,
Esse poema da Elisa é DEMAIS!!!!!
Que bom que vc colocou aqui!!!!
Parabéns, Elisa!!!!
AMEI!!!!!
E vc merece um poema maravilhoso desse, Fabi!!!

Tony  – (10 de setembro de 2009 15:19)  

Bem feito, Elisa!! Pensou que manteria esse seu ardor poético no anonimato!! Fabi expandiu! kkkkkk. E é claro que se ela não o fizesse os verbos estariam sempre clamando por libertação dessa sua alma, pq tamanha beleza não é pra ficar soterrada em folhas ou no Word!
Lindo toda vida seu poema! E destinou-se a quem se faz muito merecedora. Tô feliz de lê-lo tbm aqui no Blog da Fabi!

Denise Silva (DenyAngel)  – (10 de setembro de 2009 18:33)  

Nossa que lindo Elisa... e parabéns Fabi por ser fonte de tanta inspiração. A amizade é isso, amor supremo e gratuito.
Bjssssssssssssssss

Elisa Beatriz  – (10 de setembro de 2009 19:10)  

Ler esses comentários de Vcs que já engoliram tantos poetas, só me estimula a abrir as janelas da memória!
Escrever é tbm caminho para Liberdade!!
bjus a todos!

Postar um comentário

About This Blog

  © Blogger template Shush by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP